Notícias

Países mostram como transformar palavras em ação

Eventos abordando diferentes aspectos da agenda de gênero relacionados à mitigação e à adaptação a mudanças climáticas aconteceram em Le Bourget no dia 8 de dezembro, o Gender Day na COP 21.

Considerando que os impactos são diferentes para homens e mulheres, a data teve como principal foco o papel das mulheres como líderes e agentes de mudança no enfrentamento dessas questões.

Um dos debates mais concorridos foi o “From Global to Local Action: National Approaches to Mitigating Climate Change and Advancing Gender Equality”. Participaram dele a ex-presidente da Finlândia, Tarja Halonen, e o Ministro do Meio Ambiente da Jordânia, H.E. Taher El Shakhsheir, país onde a agenda de gênero constitui uma seção especial da INDC.

O objetivo foi mostrar formas concretas como os países implementaram localmente os compromissos internacionais. Foram apresentadas estratégias comprovadamente eficazes para transformar “palavras em ação” e, principalmente, para garantir às mulheres o direito a papéis capazes de influenciar políticas e iniciativas eficazes de mudança climática, de acordo com os compromissos pela igualdade de gênero.

Em gravação para a Rede de Mulheres, a presidente Tarja Halonen fala da COP e do papel das mulheres em relação ao enfrentamento das mudanças climáticas.


Tag(s): Notícia