Iniciativas

Sol de Norte a Sul (Greenpeace)

Greenpeace aspira atingir a meta de um milhão de telhados solares em residências até 2020

A ONG ambiental lançou o webdocumentário “Sol de Norte a Sul”, uma plataforma virtual com fotos, vídeos, textos e infográficos que reúne iniciativas, benefícios e desafios para o crescimeto da energia solar fotovoltaica no Brasil. O propósito é traçar um panorama desse tipo de energia no País e receber indicações de internautas sobre outros pontos de geração de eletricidade até agora não mapeados.

Cerca de mil sistemas já foram instalados no Brasil, mas a ONG acredita que, com maior acesso à informação e ao crédito e redução nos impostos sobre equipamentos, o País poderá atingir a meta de um milhão de sistemas em funcionamento até 2020. O primeiro passo foi dado em março de 2016, quando entrou em vigor a resolução da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) que determina novas regras para o setor e reduz o peso de tributos como o ICMS, PIS e Cofins sobre a energia solar.

Tanto a Rede de Mulheres quanto o Greenpeace calculam um aumento significativo nos postos de trabalho caso o potencial teórico de geração de eletricidade seja aproveitado no País. A principal diferença entre as iniciativas está no público final. Enquanto a Rede se dedica à estimular o uso da energia solar em escolas, universidades, edifícios públicos e empresas, a ONG está focada na ampliação do uso residencial.

Fonte: http://soldenorteasul.org.br/